28 de nov de 2006

Roy Walker


Colagem #4-2 (série antiga)

"A melhor maneira de evitar sofrimentos dessa espécie é não se apaixonar.
E, Além disso, sentirão falta dessa dor."

***

Essa é a segunda versão de uma colagem feita com base nesta frase. Logo postarei uma terceira versão. A frase é um recorte extraído de um livro de ciências, aquelas de 6/7ª série, onde estudamos o reino animal. E como exemplifica bem o bicho que somos (leia-se "eu").
A paixão, pra mim, sempre foi mais dolorida do que deveriam ser, não importando a sua natureza: humana ou não humana. Ela disputara em mim o espaço com o silêncio. Mas ai de mim se fossem públicos todos os motivos das minhas paixões. Vendo bem, é como lavar o quintal de casa descalço e com aquelas mangueiras que saem, descontroladas, molhando tudo a sua volta. Sempre despejei minha paixão nos outros, sem medida das coisas.
Quase dois meses sem colocar as mão em colagens. Postarei as colagens antigas até que eu tenha tempo, vísceras e vontade e criar outras.

observação 1.> preciso molhar mais meus pés.
observação 2> preciso segurar melhor a mangueira.

rs


***

"I wandered all night, I wondered all night about you

I’ve been here for years just wandering around the neighbourhood."

19 de set de 2006

Slow like honey




Colagem Nova #2

"Percorro os cantos com os olhos:
uma teia
tecida
parece morta.
A parede tem um branco sujo.
Há uma traça também ali,
desconhece o meu olhar.
Chego ao limite do canto:
O poema não veio."

Flávia Santos, dada tida, a mulher completa: escreve coisas lindas (arrepios), pinta, desenha, estampa camisetas, joga futebol, faz russo e passa café.

***

As colagens com os textos (entende-se poesias) da Flavinha estão prometidas desde maio. Vergonha, vergonha. Mas foi um custo parir essa colagem. No meio do processo a poesia não veio (rs). Um dia aprendo finalmente a lidar com prazos: seja pra colagens ou pro coração. Ou não.


***

(And my big secret, going to win you over. Slow like honey, heavy with mood.)

5 de set de 2006

Querência



Colagem #3 (série antiga)
"(...)
As ameaças havemos de atravessá-las,
rompê-las ao meio, cortando-as
como uma quilha corta as ondas."

Vladimir Maiakóvski, cubo-futurista-hiperbólico

***

Sim, é muita querência.



16 de ago de 2006

Haicai


Colagem #2 (série antiga)
ANDAIMES
"Na gaiola cheia
(pedreiros e
carpinteiros)
o dia gorjeia."

Guilherme de Almeida, ritmista

***

coração PRA CIMA, escrito em baixo FRÁGIL.

3 de ago de 2006

Parede


Colagem sobre papel

Colagem #1/2006

"Eu escrevo com o corpo
Poesia não é para compreender
Mas para incorporar
Entender é parede: procure ser uma árvore"
Manoel de Barros, mágico pantaneiro.

***

( Voltei a ter vontade, tempo e estômago para fazer colagens. Postarei as peças novas e as antigas, intercaladas. Do resto - que não é tão resto assim - tudo caminha nas linhas finas do tear do destino. Vivendo dias de árvore, sabe. Tudo fica mais suave quando o Bernardo, do Manoel, te ensina a esticar horizontes - e noites - usando três fios de teias de aranha.)

27 de jul de 2006

Contra a maré


colagem sobre cartão

Colagem #1

- "Para problemas desse tipo, você, se quiser, pode ainda usar outra técnica, que parece mais prática, embora exija uma certa habilidade. Você pode nadar contra a maré"

Eduardo Recife, design gráfico - de Belo Horizonte - bacanudo.